PÁGINA INICIAL ENDEREÇO FALE CONOSCO Piauí, 26 de Fevereiro de 2020
filiado à
  
17/10 - Veja mais notícias - GERAL

Por que o Serpro mente, mente, mente desesperadamente?


A Fenadados e as entidades filiadas v√™m esclarecer que apesar do resultado leg√≠timo e democr√°tico dos/as trabalhadores/as que rejeitaram a proposta excludente, discriminat√≥ria e ilegal que a empresa apresentou e autorizaram a Fenadados a ingressar com solicita√ß√£o de media√ß√£o junto ao TST. O Serpro n√£o considerou este encaminhamento como suficiente e adotou em nota, encaminhada na data de hoje a todos os trabalhadores, uma postura mentirosa e irrespons√°vel. 

A empresa comete pr√°tica antissindical ao tentar atrav√©s de mentiras colocar os trabalhadores contra sua representa√ß√£o, atuando inclusive como se sindicato patronal fosse, induzindo os trabalhadores a interpreta√ß√Ķes equivocadas sobre a verdade dos fatos.

Apesar do jogo de cena dos negociadores da empresa ao afirmarem que o Programa de Participa√ß√£o nos Lucros e Resultados foi negociado, o que se percebe, pela pr√≥pria nota escrita pela empresa √© que a proposta foi formulada unilateralmente e ap√≥s isto, apresentada. A nota publicada pela Fenadados e mencionada pela empresa, informa que a Fenadados estava aguardando o envio das metas para iniciar os debates, o que nunca ocorreu! O que nos parece √© que o Serpro pretendia que os trabalhadores APENAS CONCORDASSEM COM SUA PROPOSTA sem nenhum debate ‚Äď o que por si s√≥ j√° caracteriza a ilegalidade: FALTA DE NEGOCIA√á√ÉO. 

√Č preciso entender que negocia√ß√£o n√£o √© imposi√ß√£o de uma proposta constru√≠da unilateralmente. √Č necess√°rio que ocorram os debates em mesa e com os trabalhadores em assembleias, para que o processo transcorra dentro da normalidade e da legalidade. 

A aus√™ncia de negocia√ß√£o com a representa√ß√£o dos trabalhadores impede que a verba a ser paga seja considerada, para fins tribut√°rios, como participa√ß√£o nos lucros, passando a possuir natureza remunerat√≥ria, incidindo sobre ela a contribui√ß√£o previdenci√°ria. 

A empresa mente ao dizer que ap√≥s a rejei√ß√£o da proposta resolveu iniciar as negocia√ß√Ķes da PLR 2020. Conforme e-mails trocados entre as partes, este processo come√ßou, anteriormente ao resultado das assembleias pela rejei√ß√£o da sua proposta. Ela iniciou, j√° atrasada, a negocia√ß√£o porque sabe que precisa cumprir a lei e os prazos estabelecidos pela SEST. N√£o vai correr o risco de errar novamente pelo mesmo motivo. 

Fica uma reflexão: O que a direção do Serpro pretende alcançar ao ficar divulgando notas que não condizem com a verdade dos fatos?

O pedido de media√ß√£o da PPLR 2019 foi feito e aceito pelo TST,  e estamos aguardando o agendamento da primeira reuni√£o. 

Trabalhador reflita: Por que  a empresa est√° agindo desta forma em rela√ß√£o a PLR? Aterrorizando os trabalhadores dizendo que h√° perigo do n√£o recebimento ou de diminui√ß√£o de valores? Qual √© o real interesse? Por que  a empresa n√£o se posiciona e se preocupa da mesma forma sobre os outros temas que est√£o afligindo os trabalhadores como terceiriza√ß√£o irrestrita, desmonte e fechamento de regionais, privatiza√ß√£o e perda de postos de trabalho? Sobre estes temas, nenhuma palavra da empresa!

SINDPD/PI Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados do Estado do Piauí
Rua Gov. Arthur de Vasconcelos, 150 - Ed. Mile Sala 112, Centro - CEP: 64000-450
Fone (86)3221-1142 Fax (86)3221-4555